quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Big Brother Brasil 17: Conheça Elis Gonçalves


Com mão na cintura e vestido vermelho, Elis fica tensa em frente às câmeras: “Vai filmar meu pé? Vou colocar o salto!”. Com a participante do BBB17 que mora em de Taguatinga, Distrito Federal, é assim: trabalhada nos looks, na make, no megahair e na raça. Com dois filhos e o marido à tiracolo, Elis Gonçalves, 40 anos, faz o tipo rainha do lar, desce pelo tapete vermelho (decoração permanente de sua casa) e arrasta a família pela sessão de fotos e vídeo com a produção.

“Nossa mãe tem filho! Vem!”, grita Jhersica, a mais velha, para tentar convencer Pedro Paulo, o mais novo, a posar para a foto. “Ele está aqui por livre e espontânea pressão! Fala a verdade que você vem no colo da mamãe!”, brinca Elis, arrancando um sorriso dos três. Na foto de família, ainda falta Jeferson, o filho do meio que mora com a namorada. Ele e Jhersica, a mais velha, vem do primeiro relacionamento de Elis, antes de mudar para Brasília. “Eu deixei uma filha pequena, um bebê com um ano e oito meses, e um bebê recém-nascido com dois meses com a minha mãe em Goiás e fui para Brasília. Eu estava amamentando, mas eu precisava trabalhar para sustentá-los. Não tinha marido e precisei enfrentar. Foi uma decisão difícil, muito mesmo, mas eu faria de novo”, conta.

É só passar um pouco de demaquilante que as rugas da vida aparecem no espelho. Elis foi mãe aos 16 anos e veio para a capital federal para ser empregada doméstica. Depois de 20 dias na cidade, conheceu Luiz Carlos, seu marido, que propôs namoro. Elis foi categórica e repete as palavras que disse na época: “Olha, Luiz, é o seguinte. Eu não sou nenhuma mocinha, mas para estar namorando, eu tenho dois filhos para criar. Se você me quiser então você arruma uma casa, me coloca dentro e me assume logo, que para namorar não posso”. Depois de 15 dias, antes do prazo, Luiz chamou Elis de volta, e recepcionou a amada com seu fusquinha de um banco só. “Só tinha o banco dele e o toca fita. E tinha a música do Zé Geraldo, Senhorita, que fala: ‘Aqui é pequeno, mas dá pra nós dois. E se for preciso a gente aumenta depois’. E a gente aumentou a casa, a família, o patrimônio, graças a Deus”, conta Elis, hoje dona de dois empreendimentos comerciais e de um salão de beleza. Orgulhoso da mulher, o marido, Luiz Carlos, só soube da possibilidade de Elis entrar no programa poucos dias antes do confinamento no hotel. “Eu apoio ela. Essa é barulhenta! Você não vê ela triste dia nenhum e hora nenhuma. Ela sorri até em velório”, resume.



Música que gosta de ouvir/dançar: Meu gosto é bem eclético, mas o que eu gosto de ouvir ultimamente é Marília Mendonça. Todo o CD dela.

Filme favorito: Doze homens e um segredo.

Melhor livro que leu: The Secret. Um show marcante: Zezé Di Camargo & Luciano em Alto Horizonte, Goiás, há 9 anos. Fomos convidados para participar, para ir ao camarim conversar, batemos papo com o Zezé, Luciano, seu Francisco, o pai deles.

O cantor ou banda que não falta na sua playlist: Bruno e Marrone.

Uma viagem marcante: Cabrália, com a família.

O que você mais gosta do seu corpo? Boca. Acho meus lábios lindos!

Já fez plástica? Já fiz no nariz.

O que mais mudaria? O nariz de novo! Eu fiz uma cirurgia plástica, mas foi mal sucedida. Reparei parte dela, mas precisa corrigir o nariz. Mas de resto, eu faria tudo. Do pescoço para baixo, eu queria entrar numa clínica do jeito que eu estou e sair do jeito que eu imagino. Eu não tenho é dinheiro. Mas se eu tiver eu faço tudo! Mexo em tudo!

Qual programa ou novela da Globo marcou sua vida? Selva de Pedra. Me lembro muito das cena do Miguel Falabella como Miro. Eu sou muito fã dele.

Qual ídolo te inspira? Hebe Camargo.

Um símbolo sexual: Meu marido não vale! Ninguém vai conhecer! Um cara muito gato e que todo mundo conhece é o Marcello Novaes.

Você já se arrependeu de alguma decisão? Nunca me arrependi. Tendo acertado ou não, eu não me arrependo. Só de não ter feito! Eu queria ter feito uma faculdade de psicologia. Ainda foi fazer. Faz muita falta.

Você acha que será vilã ou a mocinha no BBB17? Não vou ser a mocinha com certeza. Não sou boazinha. A vilã talvez. Mas mocinha com certeza não.

Qual foi o momento mais difícil da sua vida? Quando eu saí de casa e deixei meus filhos pequenos, um recém-nascido, com a minha mãe. Foi um momento punk! Mas passou.

O que mais te atrai numa pessoa? Bom humor. Não vou dizer que tenho aversão a pessoas mal humoradas, mas eu evito.

Quando o Brasil conhecer os participantes do BBB17, todo mundo vai querer saber quem é quem. O que você quer contar aqui, com suas palavras, antes que vaze na internet? Eu não vou dizer que eu tenho aquele passado exemplar, impecável, mas eu garanto para você que não vai ter nada para o povo descobrir que já não saibam. Pode vasculhar à vontade. Fique à vontade!

Você já fez vídeo íntimo? Enviou para alguém? Nudes no telefone tem! Já fiz vídeo, já fiz foto. Minha com meu marido e comigo só. Só para a gente, mas roubaram meu notebook em setembro. Tinha foto lá! Mas vai ser bom porque tem como achar o ladrão se vazar. Mas não é nada grave não. Não é nada que ninguém nunca fez ou nunca viu. (Cochicha: É para o pessoal ficar procurando).

Quanto tempo você já ficou sem sexo? Pouquinho! Nunca fiquei muito tempo não. Isso vai ser um problema na casa. Dá um jeito na hora.


Conheça os novos participantes: Antônio Rafaski, Daniel Fontes, Elis Gonçalves, Emily Araújo, Gabriela Flor, Ieda Wobeto, Ilmar Fonseca, Luiz Felipe, Manoel Rafaski, Marcos Harter, Marinalva Almeida, Mayara Motti, Mayla Araújo, Pedro Falcão, Roberta Freitas, Rômulo Neves e Vivian Amorim

Qualquer novidade eu volto, lembrando que quem quiser entrar em contato comigo, pode add no facebook, procurando por "Bruna Jones" e que agora na página oficial do blog, vocês encontram conteúdo exclusivo: clique aqui! Podem também procurar e seguir no twitter no @odiariodebrunaj certo?

Nenhum comentário:

Postar um comentário