terça-feira, 7 de abril de 2015

Big Brother Brasil: 15x78 - Cézar Lima é o grande vencedor com 65% dos votos


Oi, oi, oi, minha gente! E não é que o rapaz que eu "anunciei" antes da Globo, não acabou vencendo a décima quinta edição do Big Brother Brasil? Pois é... Se você não sabe, no primeiro dia de dezembro do ano passado, euzinha publiquei a PRIMEIRÍSSIMA entrevista com Cézar Lima na mídia, olha que gostoso? Se você perdeu, tudo bem... Clica aqui e confira. Quem diria que ele ficaria milionário pouco tempo depois disso? Eu não! Mas o que importa agora é: Quanto tempo eu devo esperar para tentar negociar meio milhão com ele? Mentira, ele foi um super querido comigo e ainda fez propaganda gratuita do meu nome e blog lá dentro do programa... Tá tudo certo Cézar, pega esse dinheiro e compra umas roupinhas agora, pra você poder devolver as da sua irmã, viu? Um beijo!

Mas então minha gente, vamos finalmente conferir o que aconteceu no programa final da temporada? Tudo começou com o MEGA trio que a Globo formou: Daniel, Michel Telo e Paula Fernandes, e isso me causou uma certa desorganização mental, afinal eu tinha quase certeza que não era a final de A Fazenda e sim do BBB, mas ai, eu entendi a mensagem subliminar... O show era pra quem? Cézar!


Então o Bial apresentou os ex-participantes, e quem estava ali? Tamires (que aparentemente não morreu completamente para Boninho) e Júlia! Lembra da Júlia? É bem provavel que você nem lembre de quem saiu semana passada, mas Júlia foi quem disputou a vaga com Aline, ou seja, a moça nem na abertura do programa estava, nem foi considerada participante no site oficial, não apareceu em momento algum da edição de hoje, então, que raios ela estava fazendo ali mesmo? Tapando buraco? A Globo não conseguiu figuração? Falando em platéia, ouvi dizer que Débora Lyra (A Fazenda 7) estava por lá também. Eu não vi, se você viu e tem ibagens, favor avisar a tchurminha.

Bom, então o apresentador avisou que o programa seria uma homenagem aos 50 anos da Rede Globo, então o fato de ser uma edição "histórica" do reality, afinal, 15 temporadas não é para qualquer um... Não! Vamos falar da programação da Globo. Já começa que a votação virou o "Você Decide", só faltou mostrar um caso de morte, mas ainda dá tempo, vamos ver como fica a não relação "Amando". Seguimos com um "Vale Tudo" com o resuminho de todos os participantes demonstrando muita garra, força de vontade e falta de carisma para ganhar o prêmio final. Porque, a gente precisa combinar uma coisa aqui: Não teve emoção alguma nessa edição, desde o dia 0, eu já sabia que Cézar seria o vencedor... Cadê as brigas? Cadê os desentendimentos? Cadê o ódio no coração? Não teve!


Seguimos com "Globo Repórter", que mostrou os casais da temporada: Rafael e Talita, Cézar e Tamires, Adrilles e Tamires, Amanda e Fernando, Aline e Fernando... Tá, nem todos os citados foram casais mesmo e ainda ficou faltando outros, como por exemplo Adrilles e Mariza, esse sim era o casal PERFEITO da temporada e se bobear, de todas as edições. Quem ganhou o prêmio? Fernando e... Bem, Aline recebeu, mas foi Amanda quem ganhou, segundo Bial.

Em "Anos Rebeldes" tivemos as "melhores" brigas, que não foram lá essas coisas, mas foi o bastante para Mariza esconder as facas em uma delas, e quem acabou ganhando o prêmio, foi Adrilles e Luan, quando o primeiro avisou que o confinamento do segundo era outro e não em um reality show. O trio sertanejo voltou a cantar antes de anunciar um intervalo, na volta, Daniel cantou sozinho... E o Bial teve a infeliz ideia de se vestir de Chacrinha para premiar o troféu abacaxi. Sério, ele deve ter perdido uma aposta ou ter bebido todas para aceitar fazer isso, o cara é um jornalista renomado, já viajou e produziu matérias incríveis e aceita fazer um quadro com uma atuação pior que a de Rodrigo Santana, foi preciso o recebimento de pelo menos 1 milhão pra isso. Tenho certeza!


Bom, Aline venceu por causa da dança que ela fez pro Fernando. Mas o maior momento "sem noção" dela, foi acreditar que Fernando sairia de lá casado com ela. Seguimos com o "No Limite" e você lembra que alguns anos atrás Boninho havia dito que o vencedor do No Limite iria entrar no BBB? Não? Clique aqui! Pois então, nunca aconteceu e essa ideia seria super valida. Enfim... O quadro era para mostrar quem melhor sobreviveu aos perrengues do confinamento e merecidamente, Cézar venceu. Vamos combinar, ficar 50 dias só na base do básico, deve ser uma barra e tanto. Daniel cantou para encerrar o bloco, Paula Fernandes cantou para iniciar o próximo...

E ai tivemos "Os Trapalhões" que deveria ter sido dedicado somente a Adrilles e Mariza, mas, um ou outro participantes fez alguma trapalhada no decorrer da competição, mas não tao boa quanto Adrilles, que foi o vencedor da categoria. Rodrigo Santana entrou no palco ao vivo, vestido de Regina Célia e até que foi bem bacaninha, principalmente por conta do comentário direcionado ao Fernando, acho que ficou bem nítido que ele só foi na final do programa por questões contratuais, porque olha? Tava bem deslocado e envergonhado na telinha. Paula Fernandes cantou novamente e acho que todos entenderam que a estrela na verdade era Daniel, já que ele teve mais espaço de tempo do que a colega e o Michel.


Michel cantou, ai tivemos "A Grande Família" que mostrou as grandes amizades que aconteceram no programa e não foi surpresa para ninguém a vitória de Adrilles e Mariza, né? Rodrigo Santana se despediu da temporada, fazendo Clébis mandar o vídeo de inscrição dele para o Big Brother Brasil 16 (que por sinal, não foi anunciado por Bial, mas, confere isso aqui!) e pelo amor de Deus, NÃO! Não aceitem Rodrigo de volta, queremos Monica Iozzi ou Dani Calabresa, quem sabe? O fato é que Rodrigo não deu certo na atração e nem o novo diretor, então #VoltaBoninho #VoltaMonica! Ouvi um amém?

Amanda e o Cézar agradeceram tudo e todos, programa chegando ao fim e vocês não sentem falta de nada? Não conferimos as últimas horas dos participantes, inclusive nem olhamos o vídeo de despedida que eles gravaram... Why? I don't know! Michel cantou e na volta do comercial... Um breve resumo da trajetória de cada ex-participante da temporada e o discurso de Bial, que acabou finalizando o programa com a vitória de Cézar com 65% dos votos, enquanto Amanda ficou somente com 35% deles. Quem gostou?


Pois é, talvez a vitória de Cézar tenha sido "fabricada" pela Globo, para mostrar que "gente como a gente" pode entrar no programa e ainda sair de lá com o dinheiro na mão. Afinal, pela primeira vez o Bial perguntou para um participante quanto ele ganhava trabalhando aqui fora, qual o motivo disso? Não sei, mas eu não acredito em reality show, nem em Big Brother, nem A Fazenda, nem em Jogos Vorazes... Enfim... Quem vai acompanhar a próxima temporada do reality show?

Se você for, provavelmente iremos nos encontrar novamente, diariamente aqui no "O Diário de Bruna Jones" e no "Votalhada" nas eliminações. Enquanto A Fazenda 8 não vem, vocês podem acompanhar a segunda metade do "Big Brother Realidade Alternativa" o MEU reality show, que teve uma eliminação hoje aqui. E as novas colunas que estou preparando, o retorno de velhas... E eu tive até uma entrevista INTERNACIONAL essa semana, olha aqui.


Muito obrigada por me fazerem companhia ao longo desses 78 dias, por comentarem, por darem uma bizolinha nas matérias, por elogiarem... Vocês são demais! É por vocês que eu continuo assistindo e escrevendo, enquanto eu conseguir tirar um sorriso de alguém, estarei por aqui. Um beijo!

Qualquer novidade eu volto, lembrando que quem quiser entrar em contato comigo, pode add no facebook, procurando por "Bruna Jones" e que agora na página oficial do blog, vocês encontram conteúdo exclusivo: clique aqui! Podem também procurar e seguir no twitter no @odiariodebrunaj certo?

Nenhum comentário:

Postar um comentário